Início Destaque Projeto “Amigos da Comunidade” traz ações voluntárias na área da saúde em...

Projeto “Amigos da Comunidade” traz ações voluntárias na área da saúde em Picos

O estudante de Medicina, João Lucas, é o idealizador do projeto
banner2

O projeto Amigos da Comunidade surgiu em Picos no ano de 2017, a iniciativa partiu do estudante de medicina, João Lucas, que tinha como objetivo proporcionar atendimento básico à população de forma gratuita em várias áreas da saúde, com a parceria de acadêmicos de Medicina, Enfermagem, Nutrição, Odontologia e Educação Física, Fonoaudiologia e Fisioterapia. Nesse ano de 2018 o curso de Direito foi integrado à ação.

João Lucas participou de um projeto semelhante no estado de São Paulo e trouxe a ideia para Picos. A primeira edição aconteceu em julho de 2017 e proporcionou 700 atendimentos, que contaram também com participação de vários profissionais formados auxiliando os graduandos.

Nesse ano de 2018, junto com alguns parceiros já firmados e pensando em alcançar o maior número de pessoas, a atividade será desenvolvido na Escola Normal de Picos, nos dias 20 e 21 de julho.

João Lucas fala que o atendimento é aberto à toda população, não há nenhum tipo de restrição.

“O Amigos da Comunidade é de Picos e é para Picos e o objetivo do projeto é trazer a Picos um maior suporte à população, mesmo que em pouco, mas a carência é grande e o mínimo de assistência possível já pode trazer bons frutos”, disse.

A ação constitui ainda o trabalho de conscientização da população sobre os cuidados com a saúde, desenvolvido através de palestras.

“Depois do atendimento essas pessoas são direcionadas para o auditório da Escola Normal, onde depois disso elas receberão palestras relacionadas a educação em saúde, porque a gente pode atender a pessoa, mas realmente o que vai mudar a vida dela é educar ela em relação a saúde, para promover a saúde, para prevenir agravos e também para ensinar a reabilitar esses agravos”, pontuou.

O acadêmico de medicina disse também que a perspectiva de atendimento médico é de até 300 pessoas durante os dois dias. Serão montados consultórios de atendimento no local e ainda terá um espaço para profissionais liberais, que são os psicólogos e fonoaudiólogos. Na quadra da Escola Normal serão realizadas atividades de educação física com os pacientes que se dispuserem.

A triagem dos pacientes acontecerá a partir do estado de saúde e também das prioridades estabelecidas por lei. Para participar basta comparecer na Escola Normal nos dias 20 e 21 deste mês, o horário de atendimento é  de 08 às 11h30 e das 14 às 17h30.

Informações ou dúvidas podem ser esclarecidas através dos e- mails amigosdacomunidade@gmail.com ou comunidadepaz@hotmail.com ou no Instagram do projeto, “Amigos da Comunidade”.

CONFIRA A ENTREVISTA COM JOÃO LUCAS- 

banner2