Foto: Reprodução

Com as festas de final de ano, o número de doações de sangue cai e o Hemocentro Regional de Picos tem baixa no estoque. Essa redução preocupa, justamente porque é neste período que aumenta a demanda nos hospitais da região.

De acordo com a coordenadora do centro, Carla Guimarães, é nessa época do ano que, a maioria dos doadores viaja, e alguns, por conta do consumo de bebida alcoólica, deixam de comparecer ao local de doação.

Carla Guimarães conta que no mês de janeiro essa baixa no estoque continua. E apesar de, no mês de dezembro o hemocentro ter recebido bastante doações, por conta da campanha do Dia Nacional do Doador – 25 de novembro, após 30 dias, a bolsa de sangue perde o prazo de validade, sendo necessário renovar o estoque.

A coordenadora do órgão faz um chamamento à sociedade para que colaborem com a ação. O Hemocentro de Picos estará aberto nesse final de ano todos os dias da semana, no horário de 8h às 12h e das 14h às 17h.

“Eu queria fazer um apelo para que neste final de ano, para que todos, não só os doadores frequentes, mas novos doadores vão ao Hemocentro Regional de Picos, até porque a nossa demanda é muito grande, a gente atende não é só Picos, como a microrregião toda e por ter muitos acidentes, principalmente nessa época de festas, a gente precisa de muitas bolsas de sangue, então eu faço um apelo para que nesse final de ano, seu coração esteja mais brando para que venham ao hemocentro fazer uma doação de sangue e salvar uma vida”, conclui.

Para fazer a boa ação, o voluntário deve estar munido de um documento de identidade com foto, ter entre 16  e 69 anos – menores de 18 anos precisam da autorização de pais ou responsável-, pesar no mínimo 50 kg e estar bem alimentado.