O vereador Carlos Luís Nunes de Barros deixa o PSDB para se filiar ao Partido Progressita, cujo presidente nacional é o senador Ciro Nogueira, e que tem como presidente do Diretório Municipal de Picos, o empresário e ex-prefeito, Gil Marques de Medeiros, atual suplente de senador.

O encontro para a filiação aconteceu na residência do vereador, no Bairro Ipueiras, na tarde desta sexta-feira, 03, às 17 horas.

Na oportunidade, o engenheiro e presidente do Sistema de Comunicação de Picos, Carlos Luís, assinou a ficha de filiação ao PP e explicou porque deixa o partido Tucano.

“Ninguém pode ser candidato de si mesmo, é necessário ter uma estrutura, inclusive partidária, de um grupo que nos dê suporte. Após as recentes mudanças na legislação eleitoral, analisamos a situação do PSDB em Picos e percebemos que não teríamos, infelizmente, a condição de colocar nosso nome à disposição pelo partido. O próprio presidente do partido no Piauí nos deixou à vontade para procurar outra sigla”, disse o vereador.

Para Gil Paraibano, a filiação de Carlos Luis é uma conquista importante e fortalece o PP de Picos.

“Estamos muito satisfeitos com a adesão do nosso amigo, vereador combativo, Carlos Luis. O PP é composto por homens e mulheres de bem, que querem o progresso de nossa cidade e Carlos Luis vem somar com a gente” afirmou Gil.

Perguntado porque escolheu o Progressista, Carlos Luís disse que levou em conta a análise das pré-candidaturas atuais.

“Fiz a análise de todos os nomes colocados como pré-candidatos à prefeitura de Picos e cheguei à conclusão de que o que mais tem o meu respeito é o de Gil Paraibano, homem cumpridor de compromissos com os amigos, com o partido e com o município, por isso declarei apoio à sua pré-candidatura e me uni ao PP”.

O encontro foi realizado apenas entre os dois empresários, que seguem em suas respectivas residências cumprindo o isolamento social determinado pelo Ministério da Saúde como forma de combater a Pandemia do Coronavírus.

a3portal