Início Destaque PRF: Operação “Abre Alas” tem início dia 14 de fevereiro

PRF: Operação “Abre Alas” tem início dia 14 de fevereiro

Posto da PRF em Picos (Foto: Daniela Meneses)

A Polícia Rodoviária Federal irá lançar no dia 14 de fevereiro a Operação Abre Alas, cujo objetivo é intensificar as fiscalizações nas rodovias durante o período que antecede a Operação Carnaval. O assessor de comunicação da PRF-PI, Alexandro Lima, fala que todo estado irá receber reforço de efetivos para atuarem na operação.

“A operação Abre Alas tem o intuito de estar intensificando a fiscalização neste período pré-carnaval, tendo em vista que há algumas festas pontuais em alguns locais, e a PRF pretende estar dando esse suporte e esse incremento na fiscalização de norte a sul do estado. A PRF terá reforço de fiscalização durante todo esse período do dia 14, até o início da Operação Carnaval”, acrescentou.

De acordo Alexandro Lima, o foco principal do trabalho é coibir o uso de álcool por parte dos condutores, ele diz que somente em 2020, 39 pessoas já foram presas pela PRF por dirigir sob efeito de álcool.

“Vale salientar que a PRF, somente no ano de 2020 já realizou mais de doze mil testes de alcoolemia em todo estado. Pessoas já foram presas, num total de 39 pessoas, por estarem nessas condições. Então, a Polícia Rodoviária Federal acredita que vai estar intensificando a fiscalização, dentro do período pré-carnavalesco e também no período do carnaval, em todas as rodovias que cortam o Estado do Piauí. E pretende com isso, retirar de circulação os condutores que estejam nessas condições, com o intuito maior de salvaguardar vidas e prevenir acidentes”, detalhou.

O assessor de comunicação da PRF destacou ainda que haverá um reforço no policiamento durante o período em que estão sendo executadas as operações relativas ao período carnavalesco.

“Há um incremento no fluxo de veículos nesse período, então devido a isso, a PRF vai estar presente ostensivamente com uma quantidade de policiais que vai estar contando com o dobro do seu efetivo, vale ressaltar que todos esses policiais, que estão trabalhando na parte administrativa, vão estar sendo deslocados para os trabalhas ostensivos reforçando as equipes operacionais nos postos. E também policiais que estejam de folga, vão ser convocados como forma de intensificar a fiscalização em todas as rodovias federais com o intuito maior de coibir acidentes”, finalizou.

CONFIRA A ENTREVISTA COM ALEXANDRO LIMA