Hemocentro Regional de Picos - Reprodução

Durante todo o mês de novembro o Hemocentro Regional de Picos realiza campanhas com objetivo de conseguir o maior número de doadores possível. Segundo a assistente social do órgão, Valdênia Leite Barros, no período de final de ano as doações caem consideravelmente, e a falta de doadores preocupa.

Valdênia conta que as campanhas realizadas são fundamentais para capturar novos doadores. “O hemocentro tem tido uma queda bastante acentuada nesse final de ano, pois diminui bastante o número de doadores de sangue”.

A assistente social faz um alerta à população picoense e macrorregião para a necessidade da doação de sangue, visto que a campanha deve seguir até o mês de dezembro. “Para suprir a necessidade da população, nós precisamos de vocês doadores de sangue, para que a gente consiga bastante doações para esse final de ano”.

Valdênia Leite alerta que para manter o estoque regular, o hemocentro precisa receber diariamente cerca de 300 doações. Ela pontua que a falta de doadores é seríssima, pois o órgão atende, além de Picos, toda macrorregião.

Como se tornar um doador

Idade entre 18 anos completos e 67 anos, 11 meses e 29 dias. Podem ser aceitos candidatos à doação de sangue com idade de 16 e 17 anos, com o consentimento formal do responsável legal.

E, em caso de necessidades tecnicamente justificáveis, o candidato cuja idade seja inferior a 16 anos ou superior a 68 anos somente poderá ser aceito após análise pelo médico do serviço hemoterapia.

– Peso mínimo de 50 kg. Candidatos com peso abaixo de 50 Kg podem ser aceitos após avaliação médica e desde que respeitados critérios específicos estabelecimentos na Portaria 1.353/11.

Confira a entrevista

Valdenia Leite Barros