Início Destaque Governador pede acordo entre que aliados na disputa pela presidência da Assembleia

Governador pede acordo entre que aliados na disputa pela presidência da Assembleia

banner2

O governador Wellington Dias (PT) voltou a defender a necessidade do consenso no processo de eleição da presidência da Assembleia Legislativa do Estado. Ele quer evitar que uma disputa entre o deputado Themístocles Filho (MDB), atual presidente da Casa, e o deputado Hélio Isaías divida a base aliada e cause problemas futuros passa o governo.

Segundo Wellington, até o dia 1º de fevereiro, data da eleição, os partidos conseguirão se definir por um nome de consenso.
“A Assembleia é um processo que é coordenado pela própria Assembleia Legislativa. Temos a posição dos partidos, dos parlamentares, e certamente, quanto mais se aproximar do dia 1º de fevereiro, as decisões serão tomadas”.

Wellington Dias afirma que irá manter uma postura de neutralidade diante da disputa entre o MDB e o Progressistas.

“Eu defendo que possamos prosseguir na busca de um diálogo e entendimento. Acho que vamos alcançar até o dia 1º de fevereiro. Pelo que sei, antes existiam seis pré-candidato e atualmente são dois: o deputado Themístocles, que é o atual presidente, e o deputado Hélio Isaias. São os atuais candidatos”, disse.

Cidade Verde

banner2