Início Concursos Concurso deve preencher lacuna de efetivos em Picos, diz inspetor da PRF

Concurso deve preencher lacuna de efetivos em Picos, diz inspetor da PRF

banner2

O anúncio da realização do concurso da Polícia Rodoviária Federal, que oferta 22 vagas para o Piauí, animou os efetivos da 4º Delegacia da PRF de Picos. Segundo o inspetor Jorge Madeira, as unidades de Picos e Floriano devem receber o maior número de aprovados no certame.

Madeira fala que a quantidade de efetivos no posto de Picos é insuficiente para atender a demanda da região, que cobre ocorrências em uma circunferência de aproximadamente 700 KM.

“Nós aqui da delegacia de Picos estamos ansiosos pela realização do concurso, que ocorra na maior brevidade possível, sem nenhuma intercorrência, sem nenhuma interposição de recursos para que esses policiais venham logo logo integrar o nosso efetivo para que a gente consiga reforçar as equipes e dar uma maior segurança, maior ostensividade e um maior período de ronda na região de Picos, Valença e Alegrete”, afirmou.

A 4ª Delegacia da PRF conta, atualmente, com o trabalho de 50 policiais para atender aos postos de Picos, Valença e Alegrete. Esse número corresponde a servidores do serviço administrativo e ostensivo.

“O efetivo realmente é pequeno para a gente percorrer esse trecho e ter que dar conta das ocorrências que acontecem em toda essa malha viária no dia a dia”, afirmou Jorge Madeira.

O concurso

As inscrições para o concurso já estão abertas desde o dia 03 deste mês e seguem até a próxima terça-feira (18). Estão sendo ofertadas 500 vagas para 17 estados do país. O valor da inscrição é de R$ 150 reais, onde a prova será realizada no dia 3 de fevereiro de 2019, com 120 questões e dividida em três blocos.

As inscrições estão sendo feitas somente pela internet. A remuneração inicial do cargo de policial rodoviário é de R$9.332,57 ainda para este ano, mas passará para R$10.357,88 em 2019.

Confira o edital aqui

CONFIRA A ENTREVISTA COM JORGE MADEIRA

banner2