Início Destaque Terceira apreensão de madeira é feita pela PRF em menos de um...

Terceira apreensão de madeira é feita pela PRF em menos de um mês em Picos

Reprodução
banner2

Durante a Operação Nossa Senhora Aparecida, iniciada na última quinta-feira, com término na noite deste domingo (14), a Polícia Rodoviária Federal registrou apenas um acidente na região de Picos e mais uma apreensão de carga de madeira transportada de forma ilegal. Essa é a terceira apreensão em menos de um mês.

O inspetor Jorge Madeira deu detalhes da ocorrência de crime ambiental, onde, em uma fiscalização de rotina, agentes da PRF identificaram 36m³ de madeira sendo transportados sem a documentação exigida. A apreensão aconteceu no km 199, da BR 230, região de Oeiras.

“A equipe de plantão, na última quinta-feira (11), visualizou um veículo de carga estacionado no acostamento da rodovia com problemas mecânicos, ao ser feita a abordagem, foi solicitada a documentação da carga de 36 m³ de madeira do tipo sumaúma, carga essa que iria de Belém com destino à Feira de Santana na Bahia. Durante a fiscalização da documentação, foi constatada que a referida carga não possuía a devida licença ambiental válida, configurando o crime ambiental de transporte ilegal de madeira”, informou.

Jorge Madeira pontuou ainda que na região de Picos esse tipo de ocorrência tem se tornado constante devido a cidade ser rota para estados que fazem o transporte desse tipo de carga. O inspetor destacou que as fiscalizações estão cada vez mais intensivas.

A carga foi encaminhada para o IBAMA e o condutor do veículo assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência e deve se apresentar a um juiz em Picos na data marcada no documento.

2ª ocorrência da Operação Nossa Senhora Aparecida

Uma colisão traseira entre dois caminhões de carga foi registrada próximo a cidade de Elesbão Veloso. O condutor de um dos veículos ficou ferido, mas sem gravidade.

RESUMO OPERACIONAL

Durante a operação que durou de quinta-feira (11) a domingo (14), a PRF contou com 36 policiais que atuaram nos postos de Picos, Valença e Alegrete. Foram realizados 248 testes de etilômetro; 22 veículos foram flagrados trafegando acima do limite permitido pela via; quatro CNHs (Carteira Nacional de Habilitação) foram recolhidas por estarem com mais de 30 dias vencidas; 33 CRLVs (certificado de registro e licenciamento de veículo) recolhidos; 586 veículos fiscalizados; 121 notificações extraídas, com e sem abordagens – em sua maioria, de condutor e passageiro sem capacete e ultrapassagens em local proibido. Sete veículos foram retidos por excesso de peso e a PRF recolheu um total de doze veículos.

CONFIRA A ENTREVISTA COM JORGE MADEIRA-

banner2