Início Destaque Ciro diz que PP vai decidir apoio a Haddad ou Bolsonaro nesta...

Ciro diz que PP vai decidir apoio a Haddad ou Bolsonaro nesta terça,09

banner2

O senador reeleito Ciro Nogueira (Progressistas) afirmou, em entrevista ao programa “Agora”, da Rede Meio Norte, que as chances de ser reeleito para a presidência do Progressistas são boas , mas tem que conquistar a nova bancada no Congresso Nacional.

Ciro Nogueira afirmou que o partido Progressistas deve ficar fora da disputa entre os dois candidatos à Presidência da República, Jair Bolsonaro, do PSL, e Fernando Haddad (PT). Ele afirmou que o Progressistas deverá tomar essa posição nesta terça-feira.

O senador Ciro Nogueira afirmou que os piauienses podem ficar certos de que ainda vai trabalhar mais ainda pelo Piauí.
Ele lembrou que foi muito atacado nas eleições por ter lutado pelo Piauí.

“Quero fazer um agradecimento especial a todos os eleitores, aos que votaram e aos que não votaram, pela participação. Tenham certeza que eu vou ser o homem mais dedicado para representar você, fazer valer seu voto pelos próximos 8 anos, lutando muito e trabalhando muito pelo estado do Piauí”, afirmou.

Questionado sobre qual o recado deixado ontem nas urnas, Ciro ressaltou que o resultado expressa confiança do eleitor na coligação liderada por Wellington.  “Foi um recado de continuidade ao projeto do governador Wellignton Dias. Nós tivemos uma eleição de 24 deputados estaduais, dos 30; 8 federais de 10, e os dois senadores, o governador eleito em primeiro turno. Então isso demonstra a confiança do projeto político do governador, mas, isso aumenta ainda mais a responsabilidade e o nível de exigência desse projeto. Nós devemos nos projetar agora para que possamos dar resposta ao eleitor para que ele possa sentir que fez a escolha correta, porque o nível de exigência com certeza irá aumentar”,  reconheceu.

Pata Ciro, a reeleição de Wellington Dias no primeiro turno ocorreu por conta da experiência do petista em administração pública. “O governador Wellington Dias não é um homem inexperiente, o homem está indo para seu quarto mandato. Não dá para dizer que é uma pessoa…O eleitor iria ter muito mais tolerância com o Dr. Pessoa ou com o próprio Luciano do que terá com o governador, porque ele não pode dizer que não é experiente, que ele não tem o conhecimento necessário para fazer um bom governo e para isso nós temos que ter uma dedicação muito grande na nossa base aliada. Eu tenho uma preocupação muito grande com a situação do estado hoje. Acho que nós temos que urgentemente redefinir o estado, redesenhar, diminuir a nossa estrutura para que a gente possa demonstrar para o eleitor que o Piauí precisa dos serviços públicos, precisa de proteção, que é o que nós estamos fazendo, cortando a própria carne em defesa disso”, avaliou.

 

Meio Norte

 

banner2