Início Destaque Pavimentos da construção do novo Fórum de Picos poderão ser demolidos

Pavimentos da construção do novo Fórum de Picos poderão ser demolidos

banner2

As obras do Novo Fórum de Picos estão paralisadas desde o dia 22 de fevereiro deste ano devido a empresa responsável pela construção, a Dantec, ter o contrato restituído.

Segundo o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção de Picos, Frank Bezerra, os trabalhos de edificação do prédio devem ser retomados após outra empresa vencer nova licitação. “Fiquei sabendo que a empresa foi escolhida, a licitação foi concluída, a nova empresa foi escolhida e em breve ela já vai começar as obras”.

O advogado afirmou que alguns pavimentos da construção poderão ser demolidos. Segundo ele, a empresa que era responsável pela edificação, construiu alguns espaços com erros estruturais, o que compromete a obra em alguns pontos.

“O que me deixou muito triste e de certa forma imaginando o prejuízo para o contribuinte, porque tudo que é obra pública sai dos impostos que são dados pelo contribuinte. E tudo indica que a obra foi feita com erros de execução e que talvez vão ter que serem feitas demolições de pavimento. Isso deixa a gente preocupado e apreensivo porque foi um dinheiro público que foi investido e que talvez traga um prejuízo para a sociedade”, lamentou.

DANOS TRABALHISTAS

Após a Dantec perder o direito de concluir a obra, aproximadamente 40 trabalhadores foram dispensados sem receber os vencimentos trabalhistas. Frank Bezerra comentou que o TJ não tem nenhum valor para repassar para a empresa quitar os débitos com os funcionários.

“É algo bem complexo, porque a primeira iniciativa da OAB foi tentar procurar o TJ para ver se existia algum resíduo de pagamento para a antiga empresa para que fosse revertido para os trabalhadores, só que tudo indica que não existe, então o TJ não tem mais como repassar nenhum valor para a empresa que saiu e aí o juiz do Trabalho, o doutor Ferdinan, ele fez um bloqueio nas contas da empresa, eu confesso que não sei se esse valor realmente existe em cota. Então fica aquela apreensão e eu como representante da OAB, a gente vai procurar a Justiça do Trabalho, tentar de alguma forma pressionar para que a empresa pague essas verbas trabalhistas”, concluiu.

CONFIRA A ENTREVISTA COM FRANK BEZERRA-

VEJA MATÉRIAS RELACIONADAS:

Justiça bloqueia 300 mil da Dantec para quitar débitos trabalhistas da construção do Novo Fórum de Picos

Trabalhadores da obra do Novo Fórum de Picos continuam sem receber salários atrasados

Trabalhadores da obra do Novo Fórum de Picos são demitidos sem receber salários e fazem manifestação

Comitiva da OAB realiza vistoria em obras do novo fórum de Picos

banner2