Início Destaque Desembargador determina fim da greve e pagamento do reajuste dos professores

Desembargador determina fim da greve e pagamento do reajuste dos professores

Assembleia realizada no Sinte no início da greve (Foto: Daniela Meneses)

O desembargador Joaquim Santana determinou que os professores da Rede Estadual de Ensino do Piauí retornem para a sala de aula e que o governador faça o pagamento do reajuste do piso salarial da classe.

A decisão, tomada ontem, 21 de agosto, do Tribunal de Justiça da Comarca do Piauí põe risco de multa de 15 mil reais para os professores, mais descontos dos dias não trabalhados, caso não findem a greve e para o governador Wellington Dias, a multa foi dobrada, ele pode pagar até 30 mil reais caso não cumpra o que foi determinado pelo desembargador.

No despacho, Joaquim Santana, justifica que o alunado está sendo prejudicado por conta da disputa entre a classe e o Governo do Estado.

O governador deverá dar o reajuste de 6,81% para os profissionais do magistério e 3,15% para o pessoal de apoio técnico administrativo da educação, referente a folha do mês de agosto.

A greve das escolas estaduais do Piauí tive início em junho deste ano e é a segunda de 2018.

VEJA O DOCUMENTO:

DECISÃO JUDICIAL

Veja matérias relacionadas:
Estudantes podem ter aulas até fevereiro de 2019 após a greve
Professores só retornarão às atividades após o Governo do Estado cumprir determinação judicial