Início Destaque Ladrões roubam central de ar da escola Vidal de Freitas

Ladrões roubam central de ar da escola Vidal de Freitas

O crime aconteceu no sábado (12). Esta é a terceira, só este ano de 2018

Equipamento foi levado na madrugada de sábado

Na madrugada do último sábado (12) a escola estadual Vidal de Freitas foi roubada mais uma vez. Os ladrões levaram uma central de ar, esta é a terceira vez que um equipamento de ar condicionado é levado, só este ano de 2018.

As câmeras de segurança instaladas recentemente, não foram suficientes para inibir a ação dos criminosos. A diretora da instituição, Maria da Cruz Cardoso, fala que os servidores estão indignados, pois os roubos estão cada vez mais frequentes e a polícia até o momento não prendeu nenhum suspeito e nenhum objeto foi recuperado.

“Nos sentimos impotentes, porque a gente faz o boletim de ocorrência e nada muda. Nós estamos em período de matrículas e quando a gente precisa de material, a gente não tem e a gente pede na escola vizinha para que eles emprestem para  a gente”, conta.

Uma equipe da Secretaria de Educação do Estado (SEDUC) marcou uma visita a Picos para avaliar a situação do colégio. Segundo Maria da Cruz, uma equipe de engenharia também viria para ver a questão dos muros, que são bastante baixos, facilitando a entrada de invasores. E ainda o setor de patrimônio deve fazer a reposição de alguns equipamentos levados.

A diretora contabiliza, entre os objetos levados desde que ladrões passaram a entrar na escola, quatro computadores, duas impressoras, dois data-shows, televisores, centrais de ar.

A gestora faz um apelo aos vizinhos da escola, para que se alguém ver alguma movimentação suspeita, ligar para a polícia. E pede para que os objetos sejam devolvidos.

“Eu espero que seja feita justiça, que vejam quem realmente pegou, quem está com esse material, porque com certeza, se vem alguém e pega, é porque tem alguém para receber, eu queria até que devolvesse para a escola, até porque é um benefício até para os filhos de quem está recebendo. A instituição é pública e nós estamos recebendo uma quantidade muito grande de alunos e quem sabe que quem recebeu, não tenha filho nessa escola, precisando desse material”, pede a diretora Maria da Cruz Cardoso.

O local foi invadido há menos de uma semana:

Após roubos constantes, professores compram câmeras de segurança para escola em Picos