Início Destaque Crescem casos de Aids em Picos

Crescem casos de Aids em Picos

Centro de Testagem e Aconselhamento de Picos (CTA) - Foto: Fabrícia Rivas
banner2

O Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) divulgou os números registrados pelo órgão em 2017. Conforme os dados, os casos de Aids entre os picoenses superaram o dobro em comparação ao registro de 2016, quando apenas 23 casos foram registrados e apenas 6 deles eram de pessoas residentes na cidade de Picos. Em 2017, esse número subiu para 25 casos no total, 13 deles entre picoenses.

Os registros de sífilis também tiveram aumento. Em 2016, 108 casos; já em 2017, esse número subiu para 126. E os casos de Hepatite B e C, que foram zerados em 2016, também voltaram a aparecer no ano passado, com dois registros da primeira e um da segunda, respectivamente.

De acordo com Ozeanny Vieira, coordenadora do CTA de Picos, foram realizados 14.432 exames (HIV, Sífilis, Hepatite B e Hepatite C). Em todas as situações onde há confirmação de alguma das patologias, os pacientes recebem acompanhamento e tratamento especializado.

“À medida que a pessoa realiza o exame e o resultado dá positivo, imediatamente encaminhamos para o médico do serviço e ele irá orientar essa pessoa a realizar todo o tratamento aqui. Temos a medicação, os antirretrovirais, são feitas coletas e todo o tratamento é feito aqui no CTA”, frisa Ozeanny.

Atualmente o Centro de Testagem e Aconselhamento de Picos acompanha 254 pacientes HIV Positivo. Desse total, a direção do órgão informa que há uma taxa de 100% de adesão ao tratamento.

banner2