Assembléia Legislativa do Piaui - Foto: Reprodução

Cinco comissões técnicas da Assembleia Legislativa participaram, hoje (22), de reunião conjunta na sala da Comissão de Constituição e Justiça e aprovaram o reajuste salarial para professores estaduais e o Projeto de Lei do deputado Luciano Nunes (PSDB), vice-presidente do Poder Legislativo, que proíbe a venda de refrigerantes em escolas de ensino básico do Piauí.

O reajuste de 7,64% dividido em duas parcelas já foi incluído nos contracheques dos professores que ganham o piso salarial do magistério e recebeu pareceres favoráveis dos deputados Firmino Paulo (PSDB) e do deputado João de Deus (PT), líder do Governo, respectivamente, na CCJ e na Comissão de Administração.

A proibição da venda de refrigerantes nas escolas teve voto em separado favorável do deputado Aluísio Martins (PT), que tinha pedido vistas da matéria, e foi aprovada pela CCJ.

Participaram da reunião conjunta os presidentes da CCJ, deputado Evaldo Gomes, das Comissões de Administração, deputado Wilson Brandão (PSB), de Finanças, deputado Severo Eulálio (PMDB), de Educação, deputado Firmino Paulo, e de Meio Ambiente, deputado Dr. Hélio Oliveira (PR), e os deputados Luciano Nunes, João de Deus, Cícero Magalhães (PT), Liziê Coelho (PTB), Fernando Monteiro (PRTB), Aluísio Martins e Rubem Martins (PSB).

Portal AZ