DNOCS divulga nível crítico dos principais açudes na região de Picos

DNOCS divulga nível crítico dos principais açudes na região de Picos

Imagem: Reprodução

Banner MIX Papelaria 728x90

O Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) acaba de divulgar para imprensa o nível crítico no volume de água dos principais açudes da região de Picos. Barragens importantes como a de Piaus responsável pelo abastecimento em cinco municípios opera com apenas 5% de sua capacidade.

De acordo com Djalma Policarpo, superintendente do DNOCS no Piauí, enquanto na região de Picos as barragens estão com níveis críticos, na região sul do estado, alguns açudes estão com um volume acima de 70%.

“Existem barragens secas como em Pio IX, Fátima, Picos, Fronteiras e isso preocupa. O DNOCS vem monitorando e pleiteando junto ao Ministério da Integração recursos para recuperação e melhorar a manutenção desses reservatórios, feitos há muitos anos e que precisam de uma operacionalização adequada”, afirmou Djalma Policarpo em comunicado á imprensa do Piauí.

Em situação mais confortável estão os reservatórios em Paulistana, Conceição do Canindé, São Francisco que pegaram uma recarga de água aquedada desde o ano passado e que estão todas com mais de 60% de sua capacidade. A barragem de Salinas, em São Francisco, a maior do Piauí com com capacidade de 387 milhões de metros cúbicos, o açude está 73%.

Praticamente todos os reservatórios do estado são usados tanto para o consumo humano quanto para irrigação, lazer, pesca, piscicultura e perenização de rios.

Veja o nível do volume de água dos açudes da região de Picos:

Cajazeiras em Pio IX está seco, – 0% de água – Foto: Reprodução internet
Açude Barreiras no município de Fronteiras encontra-se em volume morto – 1,52% de água – Foto: Portal Lagoa do Rato
Açude de Piaus em São Julião está com nível crítico – 5% de água – Foto: Reprodução internet
Açude de Bocaina corre o risco de secar em 2017 – 13% de água – Foto: Reprodução internet
Açude de Estreito em Francisco Macedo tem pouco volume de água – 13% de água – Foto: Cidades Na Net

Cidadesnanet

banners-3-aprovacoes-medicina-2017-sites

Comentários Facebook