Avicultor de Valença aposta no uso da tecnologia para driblar a crise

Avicultor de Valença aposta no uso da tecnologia para driblar a crise

Imagem: Ilustração

banners-3-aprovacoes-medicina-2017-sites

A crise afetou alguns setores da economia, mas no interior do Piauí um avicultor vem vencendo este momento difícil com uma ideia empreendedora. Ele apostou no uso da tecnologia para aumentar o seu negócio.

No município de Valença do Piauí, a 210 km de Teresina, vem um exemplo de empreendedorismo em pleno semiárido piauiense. São 40 galpões, onde o forte é a produção de ovos. Cerca de 200 mil ovos saem da granja por dia. A empresa também cria frango para abate, com venda de 120 toneladas de carne por mês, e a expectativa é aumentar para 170 toneladas até o final do ano.

“Nós ficamos preocupados, um pouco receosos, mas eu senti que dava para continuar crescendo. E a gente não parou. Todo o investimento foi para a ave se sentir bem, ter conforto para ele se desenvolver da melhor forma possível”, declarou o produtor Carlos José Moura.

Toda este crescimento acontece em um período complicado da economia. Além disso, uma pesquisa da Associação Brasileira de Proteína Animal, mostrou que o brasileiro vem comendo menos frango. Apesar disso, o produtor também não poupa esforços para utilizar tecnologia de ponta.

Na granja em Valença, os bebedouros são automatizados, todo o percurso do ovo é feito por esteiras e mecanismos mais elaborados até chegar na primeira avaliação dos funcionários. Em seguida, eles vão para outro galpão para serem limpos e selecionados. As funcionários observam se ficou alguma impureza, depois é feita a pesagem.

“Já na pesagem a máquina separa o ovo de acordo com o tamanho”, acrescentou o gerente da granja, Sílvio Iênio, que destacou que o controle de temperatura do ambiente também é climatizado.

G1 PI

Banner MIX Papelaria 728x90

Comentários Facebook