Fla trabalha por Romulo e Conca em reapresentação; Marinho fica difícil

Fla trabalha por Romulo e Conca em reapresentação; Marinho fica difícil

Rômulo está na mira do Flamengo - Foto: Reprodução

O Flamengo trabalha e corre contra o tempo para sacramentar as contratações de Romulo, Conca e Marinho. Nenhum anúncio será feito antes da virada do ano, mas existe otimismo nos bastidores para o acerto com os dois primeiros ainda na primeira semana de janeiro.

O objetivo da diretoria rubro-negra é o de contar com Romulo e Conca já na reapresentação do elenco após as férias, marcada para 11 de janeiro. Os processos não são simples, mas os acordos entre jogadores e clube podem abreviá-los. A janela de transferências abre em 12 de janeiro e fecha no dia 4 de abril.

Romulo e Flamengo acertaram as bases do contrato por três anos. O volante se reapresenta ao Spartak Moscou-RUS em 2 de janeiro, quando tratará da liberação junto aos dirigentes russos e ao empresário Carlos Leite. A previsão é a de que as tratativas sejam facilitadas, já que ele encerrou 2016 em baixa, perdeu a posição para o também brasileiro Fernando e tem contrato apenas até 30 de junho de 2017.

Se tudo correr como o Flamengo espera, Romulo estará no Ninho do Urubu em 11 de janeiro. A situação tem semelhanças com a chegada de Darío Conca. O acordo já é considerado sacramentado nos bastidores da Gávea. O argentino é esperado no centro de treinamento para iniciar a parte final da recuperação da cirurgia no joelho. Ele deve voltar aos gramados a partir de março.

O Shanghai SIPG, da China, dará o aval para a transferência nos próximos dias. Conca ficará até o final de 2017 no Flamengo em um empréstimo sem custos. O clube carioca arcará apenas com parte do salário do jogador, inferior à metade do que recebe na China – R$ 500 mil, no máximo.

Romulo e Conca são negócios com liberações encaminhadas. Por isso, o Rubro-negro, mesmo ciente das dificuldades, vive a expectativa de contar com a dupla já na primeira aparição de 2017. O mesmo não pode ser dito sobre Marinho. Um dos destaques do Campeonato Brasileiro, o atacante é disputado no mercado e se transformou em alvo do futebol chinês. O Santos é o concorrente mais forte do Flamengo no país e tem uma proposta consistente em mãos.

No entanto, o jogador e o empresário Jorge Machado tratam o Rubro-negro carioca como a prioridade em caso de uma transferência no Brasil. Existe um acordo financeiro encaminhado entre as partes. O clube trabalha com uma oferta ao Vitória para comprar 50% dos direitos econômicos do atleta, ainda abaixo do valor da multa rescisória – 5 milhões de euros (cerca de R$ 17 milhões).

A possibilidade de envolver jogadores no negócio existe e a luta do momento é convencer o clube baiano sobre a negociação. Marinho, Jorge Machado e cartolas do Flamengo estão em contato permanente e já manifestaram ao Vitória os respectivos desejos.

Marinho pode ser mais um reforço anunciado pelo Flamengo em janeiro. No entanto, a briga para tirá-lo do Vitória não tem sido fácil e a diretoria carioca sabe que deve demorar para ter sucesso no caso do cobiçado atacante. Ainda será preciso driblar o poderio econômico do mercado chinês.

FONTE: UOL Esporte

Comentários Facebook

Email: contato@grandepicos.com.br | WhatsApp: (89) 99409-0245