PANORAMA: Governistas se ajoelham por espaço no altar do padre

PANORAMA: Governistas se ajoelham por espaço no altar do padre

Padre Walmir Lima - Foto: Reprodução

TELKI-PNEUS-728X90-2016[1]

Pegando os banquinhos
Segundo informações de uma fonte de livre trânsito no Palácio Coelho Rodrigues, vários auxiliares da gestão petista estão se esforçando ao máximo para permanecerem em seus cargos na próxima administração, que se inicia a partir de 1º de janeiro de 2017. Mas, de acordo com essa mesma fonte, alguns deles – mesmo não participando do programa do Raul Gil – terão que pegar seus banquinhos e saírem de mansinho.

Como um foguete
Diferente de 2015, quando promoveu 13 dias seguidos de inaugurações, eventos e festas públicas em comemoração aos 125 anos de emancipação política de Picos, este ano a administração do prefeito Walmir Lima limitou-se a dois eventos religiosos e um passeio ciclístico. Se a programação do ano passado somou 13 dias, este ano não chega a 13 horas.

Vista da cidade de Picos - Foto: Reprodução
Vista da cidade de Picos – Foto: Reprodução

Não foi assim
Apesar do ex-secretário municipal de Saúde de Picos, José Venâncio de Sousa Filho, o Dudé, ter publicado nota em sua página no Facebook alegando ter pedido exoneração do cargo para tratar problemas de saúde, um integrante da atual gestão garante que ele foi convencido pelo prefeito Walmir Lima (PT) a entregar o cargo. Por que será?

José Venâncio Dudé - Foto: Reprodução
José Venâncio Dudé – Foto: Reprodução

Embolou
Virou um nevoeiro a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Picos. Isso porque com três candidatos da base aliada e os vereadores eleitos pela coligação derrotada atônitos, é impossível prever o desfecho. O curioso é que, apesar da conjuntura, os três postulantes acreditam em vitória.

Sem peru de Natal
De uma canetada só, o prefeito Walmir Lima exonerou uma gordurosa fatia de servidores comissionados. O motivo, segundo seus assessores, foi manter as contas do município em equilíbrio. Até aí tudo bem. O problema é que estes trabalhadores se despediram sem receber dois meses de vencimentos e agora temem passar as festas de fim de ano com os bolsos vazios.

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

Fim da unidade
Os vereadores da bancada de oposição em Picos haviam acordado não lançarem candidatos e votar em bloco na eleição da Mesa Diretora, mas ao que tudo indica, não há mais essa unidade no grupo. Dizem que lá a situação agora é cada um por si, todos atrás de pelo menos um farelo do bolo.

Buscando maioria
O prefeito eleito de Jaicós, Ogilvan da Silva Oliveira, o Neném de Edite, trabalha para construir uma maioria confortável na Câmara Municipal. Segundo alguns analistas do político da “Terra do Galo”, o futuro gestor vai precisar tomar medidas impopulares para colocar o município nos trilhos.

Neném de Edite, prefeito eleito de Jaicós - Foto: Reprodução
Neném de Edite, prefeito eleito de Jaicós – Foto: Reprodução

Animados
O senador Ciro Nogueira (PP) disse, logo após a divulgação do resultado das eleições em Picos, que o pleito seria judicializado. O ex-prefeito Gil Paraibano (PP), que foi derrotado pelo atual prefeito Walmir Lima (PT), não comenta o assunto e inclusive reconheceu a derrota e desejou boa sorte para seu adversário. Mas seus correligionários estão esperançosos de que algo positivo possa ocorrer a favor de Paraibano. Com isso, dizem alguns, já amentou o número de visitantes na concessionária de veículos do ex-prefeito ao final do expediente.

Ciro Nogueira e Gil Paraibano, ambos do Partido Progressista - Foto: Reprodução
Ciro Nogueira e Gil Paraibano, ambos do Partido Progressista – Foto: Reprodução


A Coluna Panorama é assinada pelo jornalista Assis Santos, formado em Rádio e TV pelo Instituto ComRadio do Brasil e Coordenador do Departamento de Jornalismo do Sistema de Comunicação de Picos – SCP.

publicidade_Pivel-GIF

Comentários Facebook