Agespisa combate o roubo de água em adutoras do Piauí

Agespisa combate o roubo de água em adutoras do Piauí

O órgão já acionou a polícia em pelo menos um caso, não divulgado pela empresa.

Banner MIX Papelaria 728x90

A Agespisa está de olho nos desvios de água em suas adutoras. O órgão já acionou a polícia em pelo menos um caso, não divulgado pela empresa. A informação é do presidente do Instituto de Águas e Esgotos do Piauí (Iaepi), Herbert Buenos Aires.

“Naqueles casos mais graves, a gente tem notícias de pessoas que instalam uma bomba e coloca essa bomba para roubar água das adutoras da Agespisa. Tivemos uma denúncia, a Agespisa está comunicando à polícia. O usuário ao fazer isso e não pagar por ela (água), termina prejudicando as famílias que pagam e deveria receber a água de forma satisfatória”, afirma.

Segundo ele, Teresina produz água suficiente para abastecer todas as regiões, no entanto, o desperdício joga fora metade dessa produção. “Teresina produz 300 litros por habitante, quando o recomendado é 150 litros, mas como há o desperdício de metade disso, termina prejudicando as partes mais altas”, declara o presidente.

De acordo com Buenos Aires, seriem necessários R$ 470 milhões para acabar com o problema de abastecimento em Teresina. “Esse recursos daria para recuperar todo o sistema existente. A orientação do governador é no sentido de permanecer com os investimentos que são necessários, como é o caso do Jacinta Andrade, onde está sendo construído um reservatório de 800 mil litros. Está sendo iniciada também a obra da subadutora que vai levar a água até essa estação”, destaca, mencionando o problema de energia na ETA da Santa Maria da Codipi.

“Temos realmente com problema de energia na ETA da Santa Maria, mas nesse momento ela funciona 24 horas. Passou alguns dias sem funcionar na parte da noite. Temos um gerador para quando a energia não for suficiente”, disse.

Ainda de acordo com ele, outra ação forte é para diminuir o problema de vazamento na rede de distribuição. “O governador quer uma ação mais rápida na questão dos vazamentos, tanto que estamos buscando regularizar, como no bairro Dilma Rousseff”, finalizou.

Cidadeverde

Banner MIX Papelaria 728x90

Comentários Facebook